terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Retalhos de uma carta de amor

Meu corpo junto ao calor do seu

é um só.

Teu beijo é canção para

os meus lábios.

Tua voz é o vício que meu coração

deseja á todo instante.

Tuas palavras se encaixam perfeitamente

nos trechos que faltam em meu livro.

Sua pele exala um cheiro aprazível só seu...

vem saciar minha sede de você, vem.

Entrego-te meu coração com todo o meu amor

para que tomes conta.

Sinto-me protegida quando os meus passos

seguem os seus.

Existe um encanto no seu olhar

que me faz perder a fluidez.

E o tempo vai junto com vento

quando cantamos juntos.

Meu pai, meu irmão, meu amigo,

meu amante, meu amor...

eu sou apenas a sua Maria.

A Maria que você queira desejar.

Suavemente fecho meus olhos e a sua efígie

vêm á tona possuindo todo o meu corpo.

O que anda acontecendo comigo eu não sei

nem tenho interesse de saber.

Quero apenas deleitar cada segundo

desse sentimento indecifrável.

Quero evolar-se com você meu amor...